quinta-feira, 10 de outubro de 2013

A Cidade Real de Senlis

A 40 km de Paris, Senlis é uma cidadezinha de cerca de 20 mil habitantes perfeita para ser visitada por quem gosta de arte e história. 

No interior de seus muros galo-romanos predomina uma arquitetura medieval, Renascença e séculos XVII-XVIII.

 Apesar de ter sofrido graves danos durante a invasão alemã (2ª Guerra Mundial), Senlis continua em pé, bela e formosa.
Ao longo dos séculos ela viu desfilar pelas suas ruas pitorescas: Hugues Capet (rei dos Francs), Saint Louis, Marechal Foch (figura importante para a França na 1ª Guerra Mundial), Anne de Kiev e Séraphine de Senlis (artista, 1864-1942), entre outros personagens. 



Vestígios do Castelo Real. Hugues Capet, o primeiro Rei dos "Francs" foi consagrado em 987 no local.



Catedral Notre Dame (séculos XII-XVI)

 Vista do Parc du palais royal
 Vista dos jardins (e museu de arte e arqueologia)
 Vista do outro lado
Uma das portas (uma parte da catedral está em reformas)

Prieuré de St -Maurice fundado por São Luís em 1262.

Jardin du Roy, com a muralha galo-romana erguida no século III.

 Um passeio agradável ao longo da muralha e do riacho Nonette.

A construção da Abadia de São Vicente (assim como a igreja) foi ordenada em 1065 por Anne de Kiev, viúva de Henri 1º. O local serviu como hospital militar, caserna, fábrica de fios. Atualmente é um liceu particular, mas é possível entrar no pátio e certas dependências para visitar.


Vistas internas (acima) e externa (abaixo)

Entre os séculos XVII e XVIII diversas residências de luxo foram construídas, algumas munumentais:




Alguma dúvida de que Senlis merece uma visitinha?

5 comentários:

Eliana disse...

Penso que a França é um país muito diversificado em vários aspectos. Este lugar é simplesmente lindo!!!! Vou passar a dica adiante pra uma amiga que logo chega em terras francesas. Bjs

Jorge Fortunato disse...

Milena
Gostei dessa cidadezinha. Tem trem direto de Paris?
Em tempo: devo publicar hoje o post daquele jantar do ano passado. Atrasadinho eu, né???
Beijos

Anônimo disse...

Oi, Milena
Bonito post. Moro em Senlis ha quatro anos e continuo encantada com a cidade!
Para responder à pergunta de Jorge Fortunato: não existe trem direto de Paris.
As duas opções mais simples são:
Pegar o RER B e descer no aeroporto Charles de Gaulle (descer no terminal 1 e 3). Em seguida procurar (tudo é muito bem indicado) a "gare routière" e tomar o ônibus Roissy-Picardie (um ônibus a cada 30 min nas horas de pique e um a cada hora até umas 23h). Trinta minutos depois você estara em Senlis, a cinco minutos a pé do coração da cidade. Total da viagem em euros : 9,10 + 6,10
Segunda opção é pegar um TER até a cidade de Chantilly e chegando la pegar um ônibus que leva até Senlis (eles informam as horas na estação de Chantilly). Cerca de vinte minutos depois você estara em Senlis e podera escolher onde descer. O bilhete de TER custa uns 8 euros e o ônibus até Senlis uns 2,50.
Boa viagem ;o)

Bruxa do 203 disse...

Merece todas as visitas do mundo! Lindíssima, tanto pelas construções, pela história e também por tantas árvores e flores.

Sandra disse...

Uma raridade esta cidade e somente há 40km de Paris, vale mesmo a visita. Vendo as fotos dessas residências de luxo, fico pensando em como é hoje o sistema de aquecimento delas. As casas são habitadas no inverno, ou será que são somente residências de verão? Interessante e linda cidade!!