quarta-feira, 23 de janeiro de 2013

Comidinhas de Madri

Quem conhece a minha paixão por provar a gastronomia local não vai achar uma heresia se eu disser que Madri me prendeu pelo estômago... Comidas para todos os lados e de todos os tipos... Tenho certeza que vocês vão encontrar alguma coisa apetitosa!

1. Uma das vantagens é que quase tudo fica exposto em "vitrines", assim é mais fácil escolher com os olhos e apontar, caso falhe o espanhol!!!







 2. Na maioria dos lugares se come em pé, no bar... Claro que tem rstaurante em que todo mundo fica sentadinho, mas pelo menos em Madri, quem ia nesse tipo de restaurante eram mais turistas mesmos. Faltou um bom endereço para testarmos. Mas mesmo esses bares "a tapas" muitas vezes tem uma decoração caprichada!

 3. Sempre me diziam que a comida era barata na Espanha. Talvez por ser a capital, achei que os preços não eram lá tão atraentes...

 Comentei com algumas pessoas que apesar da Espanha estar vivendo uma crise avassaladora, nos bares de Madri não vimos nada disso. Tudo lotado a todas as horas do dia e as pessoas comendo, bebendo, até não poderem mais... E a conta? A gente via notinha de 60€ para todos os lados, apenas uns tapas e umas bebidas para duas pessoas. 

3. E a paella??? Imagino que a melhor deve ser aquela que é comida na casa de alguém... Os restaurantes ou outros lugares que vimos (tem uns 20 em cada esquina) pareciam um pouco armadilhas para turistas). Provei duas e gostei, mas nada de diferente do que já comi antes.


 Porém esse arroz preto nunca tinha visto antes!!! Realmente original!
 5. E os doces? 


Sylvain fez esse sacrifício em nome do blog e provou os churros com chocolate quente que parece que é imperdível em Madri. ele aprovou. Eu, muito religiosa que sou, resolvi entrar no clima da festa religiosa de Almudena (em novembro) e provei todos os doces comercializados nesse dia:


Em algumas confeitarias a multidão era tanta que só era possível provar com os olhos, do lado de fora.

Ok, confesso que todas as manhãs o nosso café da manhã era em uma confeitaria. Por cerca de 5€ tínhamos duas bebidas e dois doces (ou salgados). Basta escolher nas vitrines e comer ali mesmo no meio do povo, no maior clima de descontração.


6. Os presuntos:


7. E para acompanhar tudo isso?

Minha conclusão? Que Madri é um risco para quem está de dieta... mas uma vez só, de vez em quando, que mal tem?

13 comentários:

Jeh disse...

E tem coisa melhor do que comer??? lembrei de um post seu(não me recordo do assunto) que vc falava de algumas marcas de roupas que não lhe serviam...pois bem, meu casaco de esqui(para o dia a dia) é tamanho XL e olha que nem me sentia tão gordinha até chegar aqui na terra das magrelas! Que raiva!

Mas meu senhor, que fotos são essas? hahahaha, deu até fome agora! grrrrr

beijos!

KINHA disse...

Olá Milena

Deu água na boca... Adorei as comidinhas. Comi coisas deliciosas por lá.

AMIGA da MODA by Kinha

Inaie disse...

vc comeu o arroz preto?

eu adoro experimentar coisas novas. acabeid e me lembrar que comprei o tal do arroz preto e nunca o fiz. haha

:-)

Ana Maria Brogliato disse...

Huum, que loucura estas fotos, quase cheguei a babar por aqui...
Ainda não conheço Madri, mas quando eu for, já fico avisada. Faço uma dieta antes para chegar lá magrinha, senão, voltarei bem redonda!
Bjs
www.viagensebeleza.com

Karla Gê disse...

Amei a gastronomia de Madri também! Comi uns salgadinhos no Mercado São Miguel que foram os melhores da minha vida!!!! E também provei os churros com chocolate quente da San Ginés. Simplesmente o máximo! E que saudade da paella valenciana que comi num desses restaurantes pega-turista da Plaza Mayor. O restaurante era duvidoso mas a comida era especial!
Adorei as fotos desse post, são de dar água na boca!
beijos

Marta FG disse...

Realmente Milena é uma desgraça ter acordado há pouco e ver todas essas maravilhas logo de manhã (hahaha). Bj

Milena F. disse...

Jeh, minha tristeza foi na China e na Italia, só XL ou olhe lá que entrava nesse corpinho...

Inaie, o arroz preto não comi. Então ele já é mesmo preto? Pensei que talvez fosse um condimento que desse essa cor!

Ana Maria, melhor fazer isso mesmo: uma dieta antes para poder aproveitar tudinho!

Karla, adorei o Mercado San Miguel, mas foi ali que justaente achei os preços meio elitizados!

Marta, só olhar não engorda! :)

Ana Carolina Lima disse...

Oi Milena!!!!
Conheci seu blog por acaso, estava na verdade lendo um outro blog e vi o link para o seu. Eu amo Paris e logo, amei seu blog de cara!!!! rsrs
Bjos!!!
Carol

Anônimo disse...

Milena,
o arroz prêto é feito com arroz branco especial para paella. A côr escura é porque está cozinhado com a tinta de calamar. Um cheiro, Gasparina.

Luana disse...

Eu ia comentar sobre minha impressão das comidas de Madrid, mas eu vi tanta foto de coisa boa que fiquei com fome e agora estou vendo um frango dançando flamenco na minha frente...

depois eu volto...

haha

Sissym disse...

Wow!

Tudo parece tao agradavel!
Eu adoro Paella, mas nem sempre, aqui no Rio de Janeiro, como uma realmente boa!

Beijos

Kellen Bittencourt disse...

Milena, engordei só olhando, que maravilha as comidas ficarem expostas assim, fica bem melhor p escolher, adorei! Bjoooss

Elvira disse...

Oi Milena.
Esse post é uma covardia.
Paella, presunto, churros com chocolate quente...
Huuuummmmm!!!!
Bjs.
Elvira