sábado, 11 de junho de 2011

Mistérios que a razão desconhece

Dentre os inúmeros mistérios da humanidade, existe um que realmente não consigo entender e que me choca cada vez que me deparo com ele.
Trata-se do que em francês é conhecido como méchanceté, e que em português poderia ser considerado maldade. Sabe aquelas pessoas que ficam de olho na sua vida e que esperam uma oportunidade para destilar o veneno?

Já me disseram que eu era meio paranóica, que coloco na minha cabeça que as pessoas não gostam de mim... Mas então quando do nada pessoas que a gente nem conhece começam a nos agredir nos espaços virtuais. Percebo que se deram ao trabalho de "investigar" a minha vida, considerando que desenterraram coisas que escrevi há tempos e transformaram a seu proveito, retirando completamente do contexto. Pura maldade, com o objetivo de diminuir o outro na impossibilidade de destruí-lo... O que essas pessoas ganham com isso?                            *

E quando é alguém que a gente nem conhece, e que talvez essa pessoa nos deteste apenas por um motivo ridículo e banal... e que muitas vezes nem é real, mas apenas algo que ela interpretou, pois não foi com a minha cara e pronto!
Há quem diga que onde existe muita mulher reunidade existe ciúme!!!  

Obra de Lucas Cranach que representa o "Julgamento de Paris", quando ele teve que escolher qual era a mais bela entre Hera, Atenas e Afrodite, sabendo que a escolha de uma resultaria no ciúme e fúria das outras... E que ele estava perdido de qualquer forma.

* Robert-Fleury Tony (1838-1911), Vizzavona François Antoine (1876-1961), pintura sobre negativo.

10 comentários:

Karol Nascimento disse...

Eu tb sempre me pergunto pq há pessoas que sentem tanto prazer em fazer o mal; prejudicar alguém; destruir uma vida. Fique assim não. Não pense em pessoas ruins. Pense em coisas boas e tente estar sempre ao lado dos bons. Bj e ótimo final de semana.

Juliana Beaup disse...

Recalque Milena, a palavrinha nao é maldade nao, é recalque........questionar e refletir sobre nossas açoes e a recepçao disso tudo é sempre positivo, mas nunca apoiado em recalque e melindre de quem vive com seus complexos! bjao

Taise Pottier disse...

Oi Milena! não fique chateada não entrega na mão de Deus, pois esses tipos de pessoas não merece nossa atenção, inveja é sinal de incapacidade,quer ser como vc, simples assim,mas como não conseguem querem fazer intrigas.bjs
Fica com Deus

Nos( Eu e Gui) viajaremos dia 11 de Julho.

Ana Paula disse...

Mas não esqueça que assim como UMA te ofendeu, outras tantas te defenderam e isso é o que importa, o saldo é positivo, e vamo que vamos...

Anônimo disse...

Liga não, gente doida sempre vai existir!!!!!!
Bjs
Obs: méchanCEté e não méchancheté
Juliana

Juliana disse...

Milena, você mesma escreveu que essa pessoa te detesta por um motivo ridiculo e banal, por algo que nem é real!
Nem te preocupas! Ela é louca e ta com raiva de que não existe.
Bola para frente
Juliana
Obs: méchanCEté e não méchancheté

Milena Fischborn disse...

Obrigada pelas palavras...
P.S.: Já corrigi, valeu o toque!

Mulher de Fases disse...

Milena, que coisa chata. Eu acho que todo mundo já passou por pelo menos uma situacão parecida, talvez não no mundo virtual, ter um blog é mesmo se expor e é lasqueira pessoas que se aproveitam dessa exposicão para usar as nossas própias palavras fora de contexto. Mas, querida se você está ciente de que não fez nada contra essa criatura, relaxa... Não adianta ficar remoendo, sofrendo... Só vai tirar seu sono da beleza e fazer da sua pele um caco de rugas. Continue sendo quem vc é.
Forca!!!

Beijos

Carla (Arroz de Minhoca) disse...

Uma vez ouvi uma frase que diz: "Onde Deus não está, o Diabo não entra"
É assim, há de tudo no mundo e a maldade está aí, principalmente na naqueles q não aceitam sua própria infelicidade e saem distribuindo desacatos... tb encontro, frequentemente no meu blog, alguns "anonimos" q ali comentar só pra destilar veneno.
(Costumo apagar estas mensagens)

http://graceolsson.com/blog disse...

Take it easy....


A internet tem disso...Já vivi isso e sei que vivo mas, agora, pouco ou nada de valor, dou.-

Já nao tenho mais me dirigido a quem sei que fala de mim pelas costas.

Eu sou como vc...EU TENHO FARO PARA SENTIR, NAS ENTRELINHAS QUANDO UMA PESSOA ESTÁ METENDO A FACA NAS MINHAS COSTAS...

DIAS FELIZES E SE CUIDA....