quinta-feira, 12 de setembro de 2013

Cake Thé, Delícias de Bourges

Quando estivemos no ano passado na simpática cidade de Bourges, na França, no sábado à noite nos aventuramos por umas ruazinhas perto dos antigos muros da cidade e nos deparamos com o que parecia ser um adorável  "Salon de Thé" (Salão de Chá), infelizmente fechado naquele momento. 


Mas porque o local me chamou a atenção?
Primeiro porque ele não estava em nenhuma rua animada, e se "funciona" é porque os clientes são atraídos de outra forma (não são simplesmente clientes de passagem).
Segundo porque vimos pelos cartazes colados em frente que o local foi selecionado por diversos anos consecutivos pelos famosos guias de viagem franceses Le Routard e Le Petit Futé, sendo que praticamente nenhum francês interessado em história, arquitetura e bons endereços não viaja sem o primeiro deles. Geralmente essa indicação é coisa séria!
Então decidimos que não poderíamos ir embora sem passarmos para o "café da tarde" no domingo, quando abre das 15h às 18h.
 Localizada em uma antiga construção do século XIV, o local lembra a casa da vovó (não a minha!), com objetos espalhados para todos os lados, quadros, luminárias...

Se as pessoas vem durante o almoço para apreciar seus pratos salgados, à tarde a festa é ao redor de seus bolos caseiros, acompanhados de creme inglês ou chantilly. Para os mais gourmands, imperdível o chocolate quente à moda antiga, e para os mais "conscientes", uma excelente escolha de chás de excelente qualidade.


Tudo é delicioso, e o atendimento é ótimo, feito pela própria proprietária que é apaixonada pelo que faz. Bom chegar cedo ou reservar pois o local fica lotado (não tinhamos reservado e compartilhamos a mesa com duas senhoras).
Cake Thé
74 bis, rue Bourbonnoux
18000 BOURGES

4 comentários:

Marta FG disse...

Delicia! Até deu água na boca visitar...bj.

Eliana disse...

Milena, que desbunde de lugar, estou aqui de queixo caído! Lindo...e que sorte terem conseguido uma mesa mesmo que compartilhada. Dá pra entender pelas fotos porque é lotado! rs E só nas guloseimas, hein! Aiiii que café delicioso! Bjs

Allan Robert P. J. disse...

O melhor desses passeios é descobrir o que a gente do lugar frequenta. E poder contar a nova descoberta aos amigos.

:)

Mulher de Fases disse...

Com certeza, seria um lugar pra voltar várias vezes, pq eu amo esse tipo de café, ainda mais se tem algum história por trás.
Não sabia que os franceses eram tão chegados em doces, jura? São tão magros.